voltar    
Texto para a exposição

Os trabalhos aqui apresentados fazem parte de um grupo maior de animais, feitos na mesma técnica, recorte em madeira folhada , e derivam de um interesse pessoal na simbólica dos animais e na leitura de bestiários medievais.
Os animais, no decurso do tempo, se constituíram num arquivo simbólico de grande importância, como algo que reflete a cultura, mostrando não só o lado mais sombrio do ser humano, mas também aquele que ele tem de melhor.
Pretendo com eles comentar poeticamente essa situação vivida por todos nós, de sermos ora presas ora predadores em todos os níveis da existência.
Hoje, como sempre, lutamos por sobrevivência num mundo cada vez mais complexo, desigual e violento e com ameaças naturais constantes à nossa vida.
Os animais seguem seu instinto, nós diferentemente temos linguagem e consciência da nossa condição de seres mortais, o que nos torna mais responsáveis e mais angustiados frente aos desafios da contemporaneidade.

Thereza Salazar
Janeiro 2008

 
 
by artebr.com