voltar    
Desenho Intruso - Uma Ação Contaminada

Quando mencionamos a palavra desenho logo nos vem à mente objetos banais como lápis, papel, crayon ou algo semelhante à animação, design ou o simples fato de rascunhar ou rasurar sobre alguma superfície. Para os mais “íntimos” do campo das artes visuais talvez o desenho tenha mais significados, além dos itens mencionados, de forma mais ampliada e de vários propósitos.

Nesta minha segunda individual na Galeria Virgílio a proposta é exatamente tentar unir todas estas características além de outras situações que decidi “problematizar”. O desenho a que me refiro pode estar camuflado em objetos, fotografias, colagens, pinturas ou numa simples tranqueira de materiais recolhidos das ruas. A ideia do desenho pode ser manifestada nas mais diversas formas de expressão com uma pluralidade de elementos nele contidos. Esses elementos também podem ser muito particulares tornando o desenho um entendimento muito subjetivo mantido em cada observador, criador e pensador.

O desenho pode e deve ir além do suporte convencional, assim como pode nos surpreender se mantendo num pedaço de papel. Pode ir também além do traço e da linha ou da atitude interpretativa de cada um, ser explorado de maneira que contamine a pintura, a fotografia, a instalação, o vídeo, e assim efervescer num campo muito mais dilatado talvez. Já existiram e ainda existem infinitas definições sobre as questões em torno do desenho nas artes visuais, mas mesmo com todas as discussões realizadas sobre elas, ainda há inúmeras possibilidades que mantém o desenho tão ativo e instigante. Mais uma vez apresento aqui a minha versão desta ação tão comum e tão tentadora. Em Desenho Intruso o intruso pode ser a linha, o traço, o olhar, a interpretação de cada espectador e artista, e assim creio que, além de tudo, onde há desenho existe uma mão, ou várias mãos, uma mente pensante e certamente um provocador.

MClaudio Matsuno
Janeiro 2015

Texto da exposição individual de Claudio Matsuno
de 24 de Fevereiro a 17 de Março 2015

 
 
by artebr.com